Terça-feira, 27 de março de 2012

Plano de Saneamento Básico é discutido em Santarém

A Superintendência de Belém, a convite da Companhia de Saneamento do Pará (COSANPA), participou através do Projeto Rede Integrada de Monitoramento das Águas Subterrâneas (Rimas) de uma reunião do Grupo de Trabalho de Saneamento Básico da Prefeitura Municipal de Santarém para subsidiar a elaboração do Plano de Saneamento Básico do Município de Santarém, exigência do Ministério das Cidades, Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental, para habilitação de financiamento de projetos/obras de Saneamento do Governo Federal.

O geólogo Manoel Imbiriba Junior apresentou os objetivos e a metodologia do Rimas, onde no Baixo Amazonas já começou a perfuração de quatro poços no Aquifero Alter do Chão.

Em Santarém, um poço de 200 metros encontra-se em fase de conclusão, sendo que em seguida serão realizadas perfurações nos municípios da Calha Norte, Óbidos, Prainha e Almerim, todos com 100 metros de profundidade. Já existe na cidade uma estação sendo monitorada, desde outubro de 2011, através de medidor de nível automático localizada no Sistema Amparo, cedida pela COSANPA, com 270 metros de profundidade.

 

 

Imbiriba também apresentou os projetos de ampliação e melhorias do sistema de abastecimento de água da COSANPA, previstas no PAC, e que atende toda a área central de Santarém, com cerca de 18 poços profundos, todos localizados no Aquifero Alter do Chão.

Participaram das discussões, técnicos das Secretarias de Planejamento, Infra-Estrutura, Assuntos Jurídicos e Habitação de Santarém, além da FUNASA e da COSANPA. Pela CPRM (SGB-SUREG-BE-Projeto Rimas) estiveram presentes o geólogo Manoel Imbiriba Junior e o técnico em mineração, José Paulo Santos de Melo. A atividade teve a direção da professora Eunice Sena, coordenadora do CIAM, Secretaria Municipal de Planejamento de Santarém (SEMPLAN).

  • Imprimir