Segunda-feira, 12 de junho de 2017

CPRM recebe prêmio Sasakawa 2017

 Equipe da CPRM recebe o certificado do Prêmio Sasakawa 2017,  da Organização das Nações Unidas (ONU) Brasília - O Serviço Geológico do Brasil (CPRM) participou da 5ª Reunião do Comitê de Coordenação Conjunta para avaliação final do Projeto de Fortalecimento da Estratégia Nacional de Gestão Integrada em Riscos de Desastres Naturais (GIDES), realizada nesta quinta-feira (8/6), no Palácio do Itamaraty. O encontro contou com a presença do diretor-presidente Eduardo Ledsham e representantes do Ministério das Cidades, Agência de Cooperação Internacional do Japão (JICA), Agência Brasileira de Cooperação (ABC) e dos municípios de Blumenau (SC) Nova Friburgo e Petrópolis (RJ).
 Jorge Pimentel durante apresentação sobre manual que vai orientar Defesas Civis no mapeamento de áreas de risco Durante o evento, o chefe do Departamento de Gestão Territorial da CPRM, Jorge Pimentel, apresentou o Manual de Mapeamento de Perigo e Risco, elaborado pela CPRM em conjunto com os parceiros do projeto. O manual traz numa nova metodologia de mapeamento de áreas de risco no Brasil, desenvolvido a partir da experiência japonesa e considerando a realidade brasileira.

Na ocasião, além da apresentação dos resultados da avaliação final, foram debatidos os desafios futuros do projeto e realizada a assinatura do Minutes of Meetings pelos representantes dos governos que firmaram o acordo, em 2013, com vistas ao aprimoramento da Política Nacional de Proteção e Defesa Civil.
 Reunião reuniu em Brasília representes das instituições que participam do projeto para uma avaliação dos resultados Premiação - Recentemente, o GIDES recebeu o Certificado de Distinção do Prêmio Sasakawa 2017, da Organização das Nações Unidas (ONU), que reconheceu relevância do projeto. Durante o evento em Brasília a equipe da CPRM recebeu o certificado do prêmio “Esse reconhecimento do projeto assume fundamental importância pelo esforço de todos os participantes, principalmente da equipe da CPRM na elaboração dos manuais de mapeamento de risco e perigo do projeto. E o grande desafio que agora se impõe são as etapas futuras de implementação e execução dos mapeamentos de acordo com a nova metodologia”, destaca Jorge Pimentel.

Assista ao vídeo e saiba mais sobre o GIDES

Assessoria de Comunicação
Serviço Geológico do Brasil - CPRM
asscomdf@cprm.gov.br
(61) 2108-8400

© Copyright CPRM 2016. Todos os direitos reservados.