0
Sumário  

Roteiro


GLOSSÁRIO GEOLÓGICO


A B C  D E  F  G  H  J  L  M  P  Q  R  S  T  | V  

            O glossário foi elaborado em linguagem simples visando auxiliar o usuário não especializado  no entendimento do texto geológico. Alguns termos específicos, de interesse técnico,  também foram introduzidos no glossário, visando atender a profissionais da área.  Para maior abrangência, podem ser consultados os sites especializados: www.unb.br/ig/glossario/;  www.geologo.com.br/;  www.pr.gov.br/mineropar/glossario.html; www4.prossiga.br/recursosminerais/glossario/glossario.html;  www.agp.org.br/glossario.html; 


      A elaboração do presente glossário foi baseada na consulta das seguintes fontes:

  • Dicionário Geológico - Geomorfológico - Antônio Teixeira Guerra (1966)  

  • Glossário Gemológico - Pércio de Moraes Branco (1984)  

  • Glossary of Geology - American Geological Institute (1973)



A |Volta|
Acamamento: termo utilizado para designar o plano de separação de camadas contíguas em rochas sedimentares, também designado estratificação.
Arenito : rocha de origem sedimentar, resultante da junção dos grãos de areia através de um cimento natural.
Autobrecha:brecha formada pela fragmentação de porções previamente solidificadas de um determinado derrame de lavas. Os fragmentos são cimentados pela lava do próprio derrame.
B |Volta|
Bacia sedimentar: grande depressão do terreno, preenchida por detritos provenientes das terras altas que o circundam. A estrutura dessas áreas é geralmente composta por camadas de rochas que mergulham da periferia para o centro. Exemplos de bacia sedimentar são fornecidos pela bacia Amazônica e a bacia do Paraná.
Bandamento: faixas de diferentes composições, petrográficas, granulométricas, ou de cores, responsáveis pelo desenvolvimento de algumas estruturas das rochas ígneas e/ou metamórficas.
Basalto: um dos tipos mais comuns de rocha relacionada a derrames vulcânicos, caracterizando-se pela cor preta, composição básica (onde predominam minerais ricos em ferro e magnésio), alta fluidez e temperaturas de erupção entre 1000 e 1200 oC. Equivalente vulcânico de gabros.
Batólito: extensa exposição (> 100 km2) contínua de rocha plutônica, normalmente de composição granítica.
Brecha: rocha formada por fragmentos centi a decimétricos, angulosos, unidos através de um cimento natural.
C |Volta|
Cânion: denominação utilizada para designar vales profundos e encaixados, os quais adquirem características mais pronunciadas quando cortam seqüências sedimentares, vulcânicas e vulcano-sedimentares, horizontalizadas.
Cenozóico: era geológica que compreende o intervalo de tempo que vai de 65 milhões de anos atrás até os dias atuais, estando constituída por três períodos geológicos conhecidos como Quaternário, Neógeno e Paleógeno.
Clastosuportado: rocha sedimentar constituída por grandes seixos, os quais estão em contato entre si, sendo a porção entre estes preenchida por areia.
Ciclo regressivo: ciclo de erosão e deposição originada pela descida generalizada do nível dos oceanos, provocando a exposição e continentalização das regiões oceânica submersas.
Ciclo transgressivo: ciclo de erosão e deposição originado pela subida generalizada do nível dos oceanos, provocando a inundação de regiões costeiras.

Contrafortes: termo de natureza descritiva utilizado pelos geomorfólogos e geólogos ao tecerem considerações sobre o relevo de regiões serranas. Denominação dada às ramificações laterais de uma cadeia de montanhas. Os contrafortes quase sempre estão em posição perpendicular ou pelo menos oblíqua, ao alinhamento geral das serras.

Cosets: unidade sedimentar composta por dois ou mais conjuntos de camadas de origem sedimentar (ver set), separada de outras unidades por uma superfície de erosão, não deposição ou por mudanças abruptas em suas características.
Cretáceo: é o último período geológico da era Mesozóica. Abrange o intervalo de tempo entre  136 e 65 milhões de anos.
D |Volta|
Deposição terrígena clástica: depósito sedimentar continental, formado predominantemente por fragmentos de rochas e areia.
Derrame: saída e esfriamento rápido de material magmático vindo do interior da crosta terrestre, consolidando-se ao contato com o ar.
Derrames em platô: pacote de rochas vulcânicas que chegam à superfície através de profundas fendas geológicas, que se extravasam formando extensos lagos de lava que se solidificam.
Derrame vitrofírico: são derrames de lavas de resfriamento muito rápido, que não tem tempo de desenvolver cristais, formando rochas essencialmente vítreas.
Diabásio: rocha intrusiva de composição básica, coloração preta ou esverdeada, solidificada em sub-superfície, composta por cristais de feldspatos e minerais máficos (plagioclásio e piroxênio), que ocorre sob a forma de dique ou sill .
Dique: intrusão ígnea tabular vertical, que corta as estruturas das rochas circundantes.
Disjunção: fraturamentos macroscópicos e/ou microscópicos que ocorrem nas rochas, em conseqüência de esforços e/ou a brusca variação de temperatura a que foram submetidas ao longo do tempo geológico. São fendas, zonas de fraqueza ou aberturas que, no caso das rochas vulcânicas, são decorrentes do rápido resfriamento e a contrações de volume a que são submetidas as lava enquanto solidificam-se na superfície do terreno.
Dobra: encurvamentos de forma acentuadamente côncava-convexa, voltados para cima ou para baixo, que ocorrem nas rochas quando submetidas à processos de fluxo (comportamento plástico das rochas em um determinado derrame) ou esforços compressivos.
E |Volta|
Erg: designação dada a um deserto constituído essencialmente de areia.
Estratificação: disposição paralela ou subparalela que tomam as camadas ao se acumularem formando uma rocha sedimentar. Normalmente é formada pela alternância de camadas sedimentares com granulação e cores diferentes, ressaltando o plano de sedimentação.
Estratificação cruzada: estratificação cujas camadas aparecem inclinadas umas em relação às outras, e em relação ao seu plano basal de sedimentação. São comuns em depósitos eólicos (dunas) e fluviais.
F |Volta|

Fácies: designação genérica que significa a existência de variações entre diferentes conjuntos de rochas e que podem ser relativas à composição química, ao tamanho dos minerais, condições de temperatura e pressão, estruturação dos depósitos sedimentares ou vulcânicos, ou ambientes de sedimentação. Também é utilizada para designar variações de condições metamórficas, variação sedimentológicas vertical e horizontal, bem como variações composicionais e texturais das rochas ígneas, metamórficas e sedimentares.

Falha: superfície ou zona de rocha fraturada ao longo da qual houve deslocamento vertical ou horizontal, o qual pode variar de alguns centímetros até quilômetros.
G |Volta|

Gabro: rocha magmática de coloração escura, granulação grossa, de composição básica, cristalizada em profundidade. Normalmente é composta por feldspatos e minerais máficos (plagioclásio, piroxênios e olivina)..

Geodo: cavidade aproximadamente esférica ou alongada, preenchida por minerais, muitas vezes na forma de cristais que se projetam da parede para o interior da cavidade. Normalmente encontram-se no topo ou na base dos derrames e são decorrentes da solidificação de gases existentes nas lavas.
 
Geopetal: indicador observado em rocha que mostra a direção e o sentido de um determinado processo geológico, como as movimentações em um derrame de lavas.
 
Glomeroporfirítica: textura de rochas ígneas onde cristais maiores agrupam-se formando glomeros (conjuntos de cristais), e encontram-se imersos em uma matriz mais fina.

 

Gondwana: Designação empregada para identificar um supercontinente que existiu até aproximadamente 200 milhões de anos atrás, formado a partir da desintegração do megacontinente denominado de Pangea. O supercontinente gondwânico era formado pelas frações que atualmente constituem a América do Sul, África, Antártica, Austrália  e Índia .
 
Granito: rocha magmática de granulação grosseira, solidificada em profundidade, composição acida, composta essencialmente por minerais claros como quartzo (SiO2), feldspato alcalino (SiO2, Al2O3 e K2O) e plagioclásio (Al2O3, Na2O e CaO). O seu equivalente vulcânico denomina-se riolito.
H |Volta|
 
Hot Spot: pontos de anomalia termal no interior da terra, ligados a sistemas de convecção do manto e responsáveis pelo vulcanismo que ocorre no interior de placas tectônicas.
 
J |Volta|

J-fit: textura própria de brechas vulcânicas, onde os fragmentos são angulosos e não foram muito afastados de sua posição original, ainda se ajustando uns aos outros

 
Jurássico: período geológico da era Mesozóica, abrange o intervalo de tempo geológico entre 203 a 135 milhões de anos atrás.
 
L |Volta|
 
Lava: massa magmática em estado parcial ou total de fusão, que atinge a superfície terrestre através de vulcões ou fraturas da superfície terrestre, e se derrama formando verdadeiros rios ou lagos de lava.
 
Leque distal: depósito sedimentar formado por areia, seixos e argila, transportado pela ação da água e depositado ao longo das escarpas de onde se origina o material.
 
Leque proximal: depósito sedimentar formado por blocos, matacões e seixos imersos em uma matriz areno-argilosa que se forma junto das escarpas de regiões montanhosas através da ação da água e força da gravidade.
 
Lineamento estrutural: Feição linear, topograficamente representada por vales alinhados ou cristas, geralmente indicando a presença de fraturas e/ou falhas geológicas.
 
M |Volta|
 

Magma: material ígneo em estado de fusão contido no interior da terra e que, por solidificação, dá origem às rochas ígneas. Quando solidificado no interior da costa terrestre, forma as rochas intrusivas e quando expelido pelos vulcões, forma as lavas.

 
Mesozóico: designação dada a uma era do tempo geológico que abrange o intervalo compreendido entre 250 a 65 milhões de anos atrás. Esta era é formada pelos períodos geológicos:Cretáceo, Jurássico e Triássico.
 

Monomítico: designação dada a blocos constituintes de uma rocha do tipo autobrecha, onde a composição de todas as frações constituintes, e da matriz, são idênticas.

 
Microfenocristal: pequenos cristais que se destacam sobre uma matriz muito fina.
 
P |Volta|
 

Paleosolo: designação dada a solos antigos, soterrados e preservado até os dias atuais.

Pangea: designação empregada para identificar um megacontinente que existiu a cerca de 250 milhões de anos atrás, formado pela junção de todos os continentes hoje existentes. A cerca de 200 milhões de anos este megacontinente partiu-se, originando dois supercontintentes: a Laurásia (formada hoje pela Europa, América do Norte e Ásia) e o Gondwana (constituído hoje em dia pela América do Sul, África, Antártica, Austrália e Índia).
Parque Nacional: é uma unidade de conservação de proteção integral, sob responsabilidade do IBAMA, destinada à preservação de áreas naturais com características de grande relevância ecológica, científica, cultural, educacional, recreativa e beleza cênica.

Pitchstone: rocha vulcânica de aspecto vítreo, cor preta, brilho resinoso, semelhante ao piche.

Picrito: rocha escura, hipohabissal (vide rocha hipohabissal), rica em magnésio, contendo minerais essencialmente máficos (ricos em ferro e magnésio) denominados de olivinas, piroxênios e pequenas percentagens de plagioclásio.

Placa tectônica: a crosta terrestre é subdivida, horizontalmente, em partes denominadas pelos geólogos de placas tectônicas. Estas placas se movimentam e do choque entre elas se originam as cadeias de montanhas e os vulcões associados.
Q |Volta|
Quaternário: é o primeiro período geológico da era Cenozóica, compreendendo os últimos 1,75 milhões de anos da terra.
Quench: cristalização em processo rápido de solidificação de um magma, como quando um determinado derrame atinge um corpo d’agua.
R |Volta|
Rift: termo utilizado para designar vales formados e limitados por falhamentos geológicos.
Riolito: rocha vulcânica de composição ácida (onde predominam minerais ricos em sílica e elementos alcalinos como sódio e potásssio), caracterizando-se pelas cores cinza-claro a avermelhado, baixa fluidez e temperaturas de erupção entre 700 a 900 oC. Equivalente vulcânico de granitos.
rochacida

Rocha ácida: rocha ígnea com alto teor de sílica e baixo teor de ferro, magnésio e cálcio.

Rocha básica: rocha ígnea com baixo teor de sílica e alto teor de ferro, magnésio e cálcio.

Rocha hipohabissal: rocha formada a uma profundidade intermediária entre a base e a superfície da crosta. A textura das rochas hipohabissais é normalmente formada por cristais bem desenvolvidos, grossos e identificáveis a olho nu.
Rocha vulcânica: rocha proveniente de atividade magmática que ascende na crosta terrestre através de vulcões, diques e sills, solidificando-se na superfície ou a pequenas profundidades da crosta.
S |Volta|
Sedimentos vulcanogênicos: sedimentos originados da degradação de rochas vulcânicas e depositados sob a forma de camadas sedimentares.

Sets: conjunto de camadas sedimentares de uma mesma unidade estratigráfica, separadas de outras camadas, também de origem sedimentar, através de uma superfície de erosão, não deposição ou mudança abrupta de suas características.

Sill: intrusão ígnea tabular concordante com as estruturas das rochas circundantes.
T |Volta|

Tectônica de placa: conjunto de processos geológicos responsáveis pela formação e separação dos continentes ao longo do tempo geológico.

Terciário: é o primeiro período geológico da era Cenozóica e abrange o intervalo de tempo compreendido entre 65 e 1,75 milhões de anos atrás.

Textura: do ponto de vista geológico-petrográfico, trata-se de uma designação utilizada para caracterizar o arranjo existente entre os diferentes minerais constituintes de uma rocha e que confere uma determinada aparência à esta. Ex.: textura fina, textura grossa ou textura porfirítica, significando a presença de grandes cristais rodeados por cristais menores.

Toleito: variedade de tipo de magma com ampla distribuição na superfície do globo, sendo encontrado em cadeias oceânicas, vulcões em escudo e regiões continentais relacionadas a basaltos de platô, como os encontrados na Bacia do Paraná.
Triássico: é o primeiro e o mais antigo período geológico da era Mesozóica, abrangendo o espaço de tempo entre 250 e 203 milhões de anos atrás.
V |Volta|
Viscosidade: propriedade de uma substância de oferecer resistência interna ao fluxo. Maior ou menor capacidade de fluxo relacionado a um derrame de lava.

Início da Página